ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video


Após mais de 100 dias de espera e vários pedidos de resposta, o Conselho Municipal de Assistência Social do Município de Serra da Raiz (CMAS), analisou e INDEFERIU o pedido da Associação Comunitária do Município de Serra da Raiz, que tem como Presidente a Sra. Maria Elisa Alves Pequeno, esposa do empresário Noronha Monteiro.


A solicitação protocolada em 25 de setembro de 2017 por meio de ofício e tinha como objetivo, requerer ao CMAS que reconhecesse a existência do órgão comunitário e realizasse sua devida inscrição para que a instituição torne-se habilita a realizar convênios e parcerias com o Governo do Estado e o Governo Federal , objetivando trazer recursos e ações para o município de Serra da Raiz.

Ao receber o comunicado, a Sra. Maria Eliza, públicou uma Nota de Esclarecimento na imprensa, relatando e lamentando o que para ela seria um ato antidemocrático e retaliação, inpedindo que a entidade e execute suas atribuições.

Segundo o CMAS, a Associção Comunitária não atingia as recomendações da Resolução do Conselho Nacional de Assistência Social. Todavia, o que vem causando impasse e  muita polêmica é que não foi exposto e detalhado quais os pontos divergentes cometidos pela Associação Comunitária para que houvesse a devida correção.

A Associação Comunitárihá bastante tempo vem realizando várias ações comunitárias, sociais, evangelização e de auxílio a famílias carentes.

Não concordando com o INDEFERIMENTO do pedido, a Assessoria Jurídica da Associação Comunitária do Município de Serra da Raiz entrará nos próximos dias com uma ação na justiça para que a decisão do Conselho Municipal de Assistência Social seja revogada e que a Associação Comunitária seja incrita perante os órgãos do município.

Veja os documentos comprovando a denúncia!





Redação: Ronieleson Santos/Jornalista
3
0 Comentários

Postar um comentário