ECONOMIA

CUITEGI

FOTOS

EMPREGOS

Video


Na manhã desta terça-feira (9), um cabo da Polícia Militar que atuava no Pelotão de Choque, cometeu suicídio.
De acordo com informações de testemunhas, o cabo Raniery Pontes chegou para o trabalho, prédio onde funciona o Pelotão de Choque, e teria ido ao banheiro e lá atirou no ouvido utilizando uma pistola ponto 40. Os colegas de trabalho ouviram o disparo e ao chegarem no local se depararam com cena trágica.
A Polícia Civil vai investigar a motivação para o suicídio. Informações ainda não confirmadas polícia apontam para problemas conjugais que estavam existindo envolvendo Raniery. A Polícia Militar da região de Guarabira está de luto em razão do fatídico.
Do 25 horas
3
0 Comentários

Postar um comentário